O dia tem 24 horas

Utilizo esta agenda virtual da NOTO
É bem prática!
Se o dia tivesse 36 horas... Ainda, assim, faltaria tempo para tudo o que a gente se propõe a fazer.  Mas, por que essa sensação de que o dia ficou curto? Excesso de atividade ou falta de planejamento?

Cheguei a algumas conclusões sobre o assunto e escrevo aqui sobre uma experiência recente.

Eu marquei dois novos compromissos, além dos que normalmente tenho para cada dia da semana. Todos com prévio agendamento: um, às 12h42, e o outro, às 16h25. Quando consultei minha agenda para me programar, achei curioso o horário – lembrou-me o estilo britânico. Eu deveria chegar com 15 minutos de antecedência – esquisito calcular mentalmente, não?

Peguei a pasta do meu home office, onde, há dias, eu tinha guardado os papeis para os compromissos e lá fui eu.

Pelo fato dos endereços serem distantes do local onde moro, decidi deixar o carro no estacionamento do metrô. O acesso seria mais rápido, evitando, assim, o trânsito e problemas para estacionar. Caminhar sempre é bom!

Chegando ao primeiro compromisso, começo a separar o que precisava para apresentar na recepção. Surpresa! Faltava o principal: a guia de encaminhamento. Por que não estava na pasta? Bom, porque não chequei os documentos antes de sair. Veio à lembrança que eu consultei a tal guia dias antes, e não a recoloquei no devido lugar...

No segundo compromisso, apresentei todos os documentos que eu tinha separado, mas não me dei conta de que um deles estava desatualizado – precisei, então, reagendar uma nova data.

Tempo perdido? Sim. Falta de planejamento? Sim. Falta de atenção? Sim. Além de ter cancelado uma atividade regular que tenho nesse dia específico da semana, o dia acabou e fiquei com a sensação de que, se eu pudesse rebobinar as últimas 24 horas, o dia teria sido muito mais proveitoso, simplesmente tendo checado antecipadamente todas as informações.

Importante! 

Se você tiver um compromisso que não seja habitual, alguns dias antes faça uma lista do que precisa levar; se informe sobre a melhor rota de chegada e confira o que você separou, antes de sair. Evita, assim, que você volte pra casa, frustrado e cansado de não ter resolvido nada!

Algumas sugestões foram feitas numa matéria da Revista Seleções, de como aproveitar o dia ao máximo e que adaptei para esta publicação. Acompanhe!

Às 7hs da manhã é o melhor horário para quem quer tentar ter filhos.

Às 8h30, as decisões importantes são bem sucedidas. Mais tarde, por causa da fadiga decisória, escolhe-se a opção mais rápida e mais fácil.

Às 9h30 é a hora mais indicada para atualizar o blogue, porque os internautas verificam seus sites favoritos antes das 10 da manhã.

Às 10hs o autor da matéria sugere tomar uma aspirina para prevenir dores de cabeça – eu, particularmente, tenho minhas restrições quanto a esta sugestão porque a melhor pessoa para recomendar isso é o médico.

Às 11hs é hora de enviar e-mails, porque tem a chance de serem lidos pouco antes da pausa para o almoço.

Às 13hs recomenda-se assistir um vídeo divertido, pois o humor pode mudar depois desse horário.

Às 14hs é bom tirar um cochilo, porque a temperatura do corpo diminui. 10 minutos são suficientes para combater a moleza no meio da tarde.

Às 16hs envie uma mensagem instantânea pelo celular, ou publique na sua rede social, algo espirituoso para seus contatos – é a hora que todos compartilham o que gostam pelas redes.

Às 16h30 é hora de limpar a casa – na verdade, acho meio estranha essa atividade nesse horário, mas, segundo especialistas, a coordenação motora está no auge. Então, se você estiver em casa a essa hora, mãos à obra!

Às 17hs pratique exercícios, porque a temperatura do corpo fica mais alta, tornando mais eficaz essa atividade.

Às 21hs é a melhor hora para fechar um negócio pela internet.

Às 22hs você estará apto a resolver problemas que exijam um pensamento mais criativo. Parece esquisito? Mas, o autor afirma que as soluções despontam quando estamos cansados.

Desse horário em diante, você é livre para "dormir o sono dos justos"!

E, então? Como você organiza seu dia? Deixe seu comentário, com suas sugestões.



Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

4 comentários:

  1. Yolanda,

    Chegou um momento que a agenda nao funcionava mais, preferi olhar menos para os ponteiros. Muitas coisas que planejo para o dia acabam sendo modificadas. Acho que acontece com muita gente mesmo.

    Beijos e FELIZ PASCOA!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou nada sem agenda, Sissy! Preciso anotar tudo. Tenho três: a agenda de mesa, a agenda virtual e a agenda de bolso. Cada uma para uma necessidade específica. No entanto, concordo que o inesperado acontece.
      Uma santa Páscoa para você, também.
      Beijos

      Excluir
  2. meiri@redelagos.com.brterça-feira, 02 abril, 2013

    Amiga Yolanda

    Dificel ser organizada, porem nao impossivel.Suas dicas tem me ajudado bastante,porem temos que seguir as regras.
    Adotei uma agenda unica, pois tinha seis cadernos e em cada um anotava um assunto, como limpar as piscina,a quantidade de produto a ser colocado entao ficava maluca, tinha que procurar nos seis cadernos de anotaçes a quantidade de produtos a usar.Ficava estressada.Um exemplo simples, fui ao mercado so para comprar carnes para o mes.Os bifes separei tres a tres e coloquei em papel aluminio, ficou facil; agora comprei 03 kgs de carre coloquei no freezer e fiquei de separar depois.O que aconteceu, nao fiz na hora e agora tenho 03kgs super congelados e nao sei o que fazer.Se descongelo todo, o produto estraga.O que faltou: determinaçao e um pouco de preguiça pois se estava separando os bifes porque nao fazer na hora o que tinha que ser feito. Temos que ter uma meta a ser cumprida.Referente as anotaçoes ja esta mais facil, tenho um caderno so para anotaçoes da piscina,uma agenda para casos mais serios,contas de Bancos, telefones etc.,Mais recados autoadesivos no computador, E assim seguindo os conselhos de uma pessoa que trabalha direcionada para organizaçao que e Yorganiza Personal Organizer vamos tornando o nosso dia mais organizado e bem menos estressante.
    bjs da amiga

    Meiri Bello

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amiga Meiri, fiquei aqui imaginando você e os seis cadernos... Uma agenda única foi a melhor solução que você deu para suas anotações. Às vezes, nos propomos a organizar usando o recurso de anotar em vários lugares, mas não é funcional porque dificulta na hora de lembrar onde é que se anotou o que! Um bloquinho de anotações sempre à mão é uma boa forma de fazer pequenas notas e depois passar para a agenda - nesse momento você relembra da anotação e faz os ajustes que precisar.
      Obrigada pelo prestígio.
      Beijos
      Yolanda

      Excluir

O que você achou da postagem? Dúvidas em organização?
Deixe aqui seu comentário.

Visualizações

Agradecimentos

Ari Hollaender - consultoria em Marketing

Marcadores

Voltar ao topo