Trabalho na cozinha - Parte 1


Houve uma época em que eu recortava alguns artigos de revistas e os guardava para uma eventual consulta. Eu tinha várias pastas (daquelas com plásticos transparentes), catalogadas conforme o assunto. Hoje, mantenho algumas delas.

Encontrei uma matéria da Revista Claudia, da década de 80, e transcrevo aqui, com algumas adaptações, porque considero o tema atemporal.

Imagine uma cozinha onde tudo funciona. Nela existe uma despensa pronta para enfrentar um jantar de última hora, a geladeira só tem produtos de qualidade, os cardápios são elaborados facilmente. Enfim, a cozinha onde cozinhar é um prazer e que pode ser a sua!

Foodscapes, cenário criado pelo fotógrafo Carl Warner

Aprendendo a comprar produtos alimentícios

Em nossos dias, mais do que nunca, é preciso programar a vida, procurar nossas comodidades, encontrar formas de preservar nossa saúde e economizar nosso dinheiro. Assim, quando se pensa em cozinha, antes de qualquer coisa, é preciso que aprendamos a comprar os gêneros alimentícios com os quais prepararemos nossos pratos. Se levarmos para dentro de casa produtos de qualidade, metade do nosso trabalho está assegurada: as receitas sairão gostosas e não teremos problemas de saúde com a família. Portanto, vamos aprender a comprar.

Embora não devem ser considerados como de valor absoluto – o produto pode estar dentro do seu prazo de validade e visivelmente alterado, assim como pode ter este prazo vencido e manter-se em perfeito estado, podendo ser adquirido - a data de fabricação e o prazo de validade pode nos ajudar na escolha do alimento.

Infelizmente nem todos os fabricantes adotam o mesmo sistema, o que dificulta bastante a leitura. A data de fabricação, por exemplo, pode aparecer carimbada, impressa sob pressão ou picotada na embalagem. Pode ser facilmente legível e compreensível, assim como pode ter a aparência de um código indecifrável.

É que não são todos os fabricantes que usam a ordem direta do dia, mês e ano. Você pode encontrar, às vezes, datas como esta: 21201303 (21 de março de 2013). Ou, o que é pior, seguidos à data de fabricação, encontrar números relativos ao lote, partida, enfim, coisas que só servem para confundir.

Recomenda-se, então, o seguinte cuidado: localize inicialmente o ano e, em seguida, procure o dia e o mês de fabricação.

Calcule o prazo de validade dos produtos

Saber a data de fabricação é importante, porque, com ela, podemos calcular o prazo de validade da mercadoria que estamos comprando. Este é calculado somando-se seu número de dias à data de fabricação. Exemplo: data de fabricação – 07052013; prazo de validade do produto – cinco dias. O consumo, nesse caso, é recomendado até 12 de maio de 2013. Para que você tenha uma orientação segura, não só sobre os prazos de validade, mas também sobre os demais cuidados que deve tomar na hora da compra (e os outros que precisa ter já em sua casa), algumas tabelas sobre este assunto serão apresentadas mais adiante.

Mas, como toda atenção é pouca quando fazemos compras, vamos antes saber como devemos nos comportar num supermercado.

Antes de tudo, lembre-se de que tempo é dinheiro. Portanto, comece sua economia indo o mínimo possível ao supermercado. Calcule o que vai precisar de carne e legumes para a próxima semana e compre tudo do que necessita, guardando as compras na geladeira.

Nunca se esqueça de que o supermercado foi totalmente arrumado para induzir você a comprar. Passe depressa pelas seções de gulodices e “utilidades” e vá diretamente ao que interessa.

Faça sempre uma lista do que precisa para a semana e limite-se a ela!

Prefira sempre comprar frutas e legumes no varejo: os saquinhos de supermercado são enganadores. Por baixo de boas frutas há sempre algumas amassadas.

Com os laticínios, todo cuidado a ser tomado é pouco: infelizmente, ainda hoje, há supermercados que tem empregados só para atualizarem as datas de fabricação. Isso é crime! Se você surpreender alguém nesta prática desonesta, não hesite em denunciar ao órgão competente.

Cozinha Organizada

As tabelas a seguir (recortes originais da revista citada) servem como guia para produtos alimentícios, indicando o prazo de validade, cuidados na hora de comprar e armazenar.








Numa próxima postagem, abordarei sobre a manutenção e organização de uma despensa. Aguardem!

Se precisar de ajuda para organizar a geladeira de sua cozinha, Yorganiza pode ser a solução!
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

2 comentários:

  1. Oi amiga Yolanda

    Achei otimo o assunto sobre cozinha organizada, principalmente a tabela de como armazenar os alimentos, validade e o melhor periodo para comprar legumes e verduras.Vou imprimir e mandar plastificar para ter sempre a mao quando quiser consultar.Ainda vou ler os outros artigos.Agora vou partir para a arrumaçao da geladeira
    bjs da amiga

    Meiri Bello

    ResponderExcluir
  2. Querida Yolanda,

    Otimas dicas, especialmente da validade dos produtos.
    Quanto a quando comprar certos legumes e verduras, hoje em dia existem cultivos que modificam os calendários naturais a que estávamos acostumados.

    Beijos e Feliz Domingo!
    Sissym

    ResponderExcluir

O que você achou da postagem? Dúvidas em organização?
Deixe aqui seu comentário.

Visualizações

Agradecimentos

Ari Hollaender - consultoria em Marketing

Marcadores

Voltar ao topo