E por falar em Produtividade...

Lembro-me que quando ouvi pela primeira vez a palavra Produtividade associada à Organização, não conseguia entender muito bem. Com o tempo, compreendi melhor o sentido e sua aplicação, tanto que a Associação a qual faço parte tem em sua denominação esse termo.

Para explicar, posso exemplificar que ontem meu dia foi produtivo. Levei em consideração o rodízio de carros no centro expandido, e eu teria somente entre 10hs e 16h30 para estar em vários lugares e cumprir os itens da agenda.

Iniciei meu dia assim:
6hs despertou o alarme do relógio;
6h30 levei meu cãozinho para passear;
7hs tomei meu café da manhã e folheei o jornal;
7h30 fiz algumas tarefas domésticas;
8hs respondi alguns e-mails e mensagens do Facebook;
8h30 adiantei um projeto em andamento;
9hs fiz alguns telefonemas;
9h30 banhei-me e me arrumei para sair;
10hs fui em direção à estação do metrô e estacionei o carro;
10h30 peguei o metrô e me encontrei com uma amiga no local combinado;
11hs às 12h30 assisti a um ciclo de palestras sobre Gestão, Superação e Comportamento;
12h30 às 12h50 fiz uma refeição rápida com minha amiga, e traçamos planos de trabalho;
12h50 às 13h10 fui a pé levar uns documentos para assinatura e coletar alguns papeis;
13h10 às 13h30 subi a ladeira em direção ao metrô;
13h30 às 14hs fui de metrô até outro bairro para coletar mais assinaturas;
14hs às 14h30 porque eu não tinha feito minha caminhada matinal, desci a ladeira abaixo;
14h30 às 14h50 visitei rapidamente uma colega para coletar a assinatura num documento;
14h50 às 15hs a subida da ladeira era tão íngreme que decidi pegar um táxi até o metrô;
15hs às 15h30 retirei o carro do estacionamento e fui em direção ao Cartório;
15h30 às 15h50 espera na fila do Cartório para ser atendida;
15h50 às 16h30 com sorte, sem tanto trânsito, de volta pra casa...

Depois desse horário, continuei com outras tarefas... Mas daí até de noitinha foram atividades de minha rotina diária normal, sem pressa ou horário marcado.

Listei este exemplo para demonstrar que é possível fazer várias atividades, desde que bem planejadas. Meu dia foi produtivo porque consegui realizar todas as tarefas marcadas em minha agenda, onde anotei no dia anterior os compromissos e endereços de destino; planejei o percurso de ida e volta das visitas previamente agendadas, anotando os telefones de contato no celular; e, o mais importante: separei e conferi os documentos que precisaria ter em mãos no dia seguinte.

O tempo rendeu, as metas foram alcançadas e resultou na Produtividade. Dever cumprido!

No ciclo de palestras "Os novos nomes em palestras Premium" do qual participei pela manhã, a empresária Juliana Faria, especializada em Organização e Produtividade, falou sobre o tema.

Ao ler meus e-mails no final do dia, encontrei a sugestão de leitura, e que recomendo: 10 dicas para se organizar no trabalho e ter mais produtividade.

A Produtividade está na programação do dia-a-dia e cada vez mais se torna necessária.

Ainda, numa das palestras que assisti pela manhã, foi proposto para a plateia que, ao andar pela rua, cada um procurasse por uma borboleta... Mas tinha que ser uma borboleta azul. Na verdade, dei de cara com um besouro que se enroscou no meu cabelo... Hoje continuarei à procura da borboleta!

Qual é o propósito do exercício? BUSCAR SEU OBJETIVO DE VIDA E NÃO PERDER O FOCO!

Programe-se melhor! Seja produtivo! Se precisar de ajuda, já sabe: Yorganiza pode ser a solução.
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

0 comentários. Clique aqui para comentar.:

Postar um comentário

O que você achou da postagem? Dúvidas em organização?
Deixe aqui seu comentário.

Visualizações

Agradecimentos

Ari Hollaender - consultoria em Marketing

Marcadores

Voltar ao topo