Você sabe exatamente quanto gasta?


Stocksnap
Aproveitei os dias de calmaria entre Natal e Ano Novo para rever minha planilha financeira, onde lanço todos os gastos e entradas mês a mês - prática que faço desde longa data. E, mesmo tendo um bom controle sobre o que eu gasto e o que eu ganho, sempre me chama a atenção os altos dígitos da planilha completa, no final de dezembro.

Ao mesmo tempo, fico satisfeita com o resultado porque consegui atingir boa parte das metas estabelecidas em dezembro do ano anterior e, ainda, aplicar um pouco em poupança do que ganhei durante o ano. No entanto, sempre analiso onde posso melhorar!

Quando começamos a controlar nossas despesas, temos algumas surpresas ao verificar o quanto gastamos em determinados itens. Às vezes, isso pede uma ação concreta de mudança, mesmo que algumas despesas sejam difíceis de serem cortadas, podem ser reduzidas. Escrevi um post que enumera 5 maneiras científicas para a Mudança de Hábito, clique aqui para ler!

Stocknap
Com uma visão geral de todas suas contas e despesas, dá para conhecer quais os gastos devem ser reduzidos para que você consiga poupar. Fazendo o exercício de preparar e analisar o orçamento doméstico, você consegue desenvolver esse novo hábito.

Existem vídeos na internet que falam com propriedade sobre Organização Financeira, em especial o canal do YouTube Finanças Femininas, que recomendo você a visitar. 

De acordo com a Revista Exame, especialistas são unânimes em afirmar que para realizar metas é preciso saber onde você está: quanto você tem de reserva financeira; quais são suas dívidas; e quanto ganha e gasta todo mês. Segundo a educadora financeira Cássia D'Aquino, não adianta anotar seus gastos ou levantar preços e não fazer nada com aquilo. Defina o que você quer da sua vida para elaborar um orçamento - saiba para onde está caminhando! Vale ler  a matéria completa, O passo a passo para economizar mais dinheiro em 2018.
Stocksnap

Criei uma planilha que me ajuda a controlar meus gastos e que compartilho com você. Nela inseri as despesas essenciais, as variáveis e as extraordinárias - é bem simples.

No início de cada mês, é preciso preencher a coluna com a estimativa de gastos e entradas para o período de 30 dias. Depois, é só lançar o que realmente foi realizado.

O ideal é você fazer esse exercício diariamente, lançando os valores na planilha - ou no mínimo 1 vez por semana. Todos os gastos devem ser computados. 

Vamos lá experimentar? Baixe sua planilha, clicando neste link: Orçamento Doméstico.xls

Depois, me conta se você conseguiu se habituar com o uso dessa ferramenta para controlar sua vida financeira!
Yolanda Hollaender
Personal Organizer
Sócio-fundadora da ANPOP e membro do ICD

Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

0 comentários. Clique aqui para comentar.:

Postar um comentário

O que você achou da postagem?
Dúvidas em organização?
Deixe aqui seu comentário!

Visualizações

Agradecimentos

Ari Hollaender - consultoria em Marketing

Marcadores

Voltar ao topo