Por trás dos bastidores da Organização


Eu, como Consultora de Organização, com foco em Desorganização Crônica, tive o privilégio de ser convidada para um projeto da TV Record, juntamente com a psicóloga com que faço parceria na Oficina de Suporte aos Problemas de Desorganização, e mais 11 competentes Profissionais de Organização, dedicadas e comprometidas em ajudar no desafio que nos foi proposto: organizar a casa de uma celebridade do mundo musical.

Foto das Profissionais de Organização que participaram da organização na casa da cantora Perla


Uma indicação, um telefonema, uma reunião, a seleção de uma boa equipe e um grande desafio pela frente... 

Esse foi o cenário de quase 10 dias, desde que a simpática Talita Melo indicou meu nome e o da psicóloga Deborah Passos para a Produção do Domingo Show, avisando que a pauta seria sobre distúrbio de acúmulo e o projeto envolveria a transformação da casa de uma pessoa famosa. 

Até então, não sabíamos quem era a personagem, até que assistimos ao programa em que apareceu a cantora Perla contando sua história e abrindo as portas de sua residência ao apresentador do Programa Domingo Show. 


Fotos de Uma indicação, um telefonema, uma reunião, a seleção de uma boa equipe e um grande desafio pela frente...   Esse foi o cenário de quase 10 dias, desde que a simpática Talita Melo indicou meu nome e o da psicóloga Deborah Passos para a Produção do Domingo Show, avisando que a pauta seria sobre distúrbio de acúmulo e o projeto envolveria a transformação da casa de uma pessoa famosa.   Até então, não sabíamos quem era a personagem, até que assistimos ao programa em que apareceu a cantora Perla contando sua história e abrindo as portas de sua residência ao apresentador do Programa Domingo Show.


Depois de conversar com a psicóloga Deborah Passos, com que faço parceria no atendimento às pessoas cronicamente desorganizadas, pela imagens mostradas naquele episódio do Domingo Show, percebemos o acúmulo acompanhado de um quadro de depressão, o que foi confirmado pelo apresentador. 

Deborah e eu resolvemos aceitar o convite e fomos para a reunião com os diretores para apresentar nossa forma de trabalho, explicar qual é o foco de nosso atendimento e entender qual era a proposta do programa. Isso foi numa segunda-feira. Feito isto, nos deram somente 8 dias para sensibilizar a cantora Perla, cuja história tinha ido ao ar no domingo anterior, e organizar os 6 cômodos da casa que estavam abarrotados de objetos espalhados e misturados em todos os ambientes. Seria um trabalho desafiador, num curto espaço de tempo!

A recomendação dos diretores do programa foi a de que o foco era somente a organização em si, sem possibilidade para reforma ou consertos - somente deveria ser tirado tudo o que estava em excesso, aproveitando os móveis que estavam na casa para, então, organizar os espaços.

Sabíamos que não era tão simples assim. Estávamos lidando com uma acumuladora. A psicóloga e eu concluímos que não seria tarefa fácil, porque certamente existiriam muitos apegos, medo de que mexessem em suas coisas, desconfiança de que seus pertences seriam jogados fora. Haveria muita resistência pela frente.  Concordamos com os termos e aceitamos o desafio!

Lancei o convite no Grupo de Estudos que Deborah e eu promovemos a cada 2 meses com + de 20 profissionais de organização. A maior dificuldade era a disponibilidade integral de todas que se interessaram pelo projeto, Ao mesmo tempo, fui contatando outras profissionais fora do grupo e a equipe foi formada com 12 integrantes.

Elaborei algumas diretrizes para que o trabalho fluísse com leveza. Todas as profissionais que levantaram as mãos e se empenharam em participar do projeto que a TV Record propôs estavam muito animadas e comprometidas com o trabalho. 

Uma Van foi contratada para nos levar até a casa da cantora Perla. No trajeto, muito expectativa e trocas de informações sobre o trabalho que viria pela frente. E, claro, momentos de descontração!

Antes de entrar na casa da cantora, nos reunimos do lado de fora para distribuir as tarefas de acordo com a experiência de cada uma e as equipes foram divididas. Eram 6 ambientes que deveriam ser esvaziados e reorganizados. 

Depois de termos sido apresentadas para Perla, visitamos os espaços e cada equipe começou seu trabalho - no meio do caos tentávamos imprimir uma ordem para que a organização pudesse acontecer. .  E, assim, foram os 8 dias de trabalho, período em que separamos os objetos, categorizamos e organizamos. 

A cantora Perla participou do processo e, em alguns momentos, se recolhia em seu quarto porque ficava difícil tomar decisões sobre o que ficava e o que seria tirado de dentro da casa - demostrava estresse, incômodo e resistência. Claramente aparentava um quadro de Transtorno de Acumulação - em vários momentos, a psicóloga Deborah acompanhou o processo procurando mensurar o nível de pressão que a cantora poderia aguentar, dando o suporte necessário, enquanto a equipe de profissionais de organização começava a mexer em seus pertences.  Prometemos à cantora que nada seria jogado fora, sem que ela autorizasse e o que não cabia na casa seria acondicionado em caixas, etiquetadas informando o conteúdo, para que ela analisasse num outro momento. 

A cantora Perla nos recebeu muito bem, nos chamava de 'Perlitas' e confiou em nosso trabalho. Sentou conosco para lanchar e contou de sua trajetória - Perla é uma pessoa muito amorosa e divertida! 

Na parte de organização tudo o que estava espalhado pela casa foi separado, categorizado e encaixotado os objetos que ficariam fora da casa. Entrou a equipe de limpeza e, depois, as profissionais para organizar todos os ambientes: sala de música, sala principal, atelier, cozinha, quarto da artista (uma espécie de camarim com todos os figurinos que Perla usou durante sua carreira) e banheiro. O resultado ficou muito bom! 

Na casa da cantora estavam sua neta, neto-genro e bisneto (uma graça de bebê!), que nos acolheram bem e nos ajudaram em alguns momentos do processo.  

Os diretores, produtores, cinegrafistas, contra-regras da TV Record, equipe de limpeza, piscineiro, jardineiro e outros auxiliares foram todos atenciosos e o trabalho fluiu muito bem. Agradeço a oportunidade de estar junto de todos nessa missão humanitária.

O resultado foi o que apareceu no Programa Domingo Show, do dia 10 de junho. Um lugar com menos coisas, mais fácil de transitar entre os cômodos e, principalmente, todos os espaços internos da casa organizados.

Imagens dos Ambientes organizados na casa de Perla

Agradeço de coração as profissionais de organização extraordinárias que colaboraram para que esse projeto pudesse ser realizado com êxito. Todas dedicaram boa parte de seu tempo, doando horas em trabalho e experiência nesse projeto social. A finalização de como ficou a casa é mérito de todas! 

Foram estas as Integrantes da equipe: 

1. Alyne Canto - @dycantoconsultoria
2. Ana Paula Claudino - @apcorganizer
3. Cris Cabral - @criscabralorganizer
4. Cris Correia - @criscorreiaorganizer
5. Liliane Aragão- @lilianearaghao
6. Marina Bombardi - @marinaorganiza 
7. Patrícia Peixoto - @atelierdeorganizacao
8. Polyana Mirella - @polyanamirellaorganizer
9. Sheila Procópio - @sheilaprocopioorganizer
10. Suzana Barbeito - @suzanabarbeito
11. Valéria Quito - @organizacomigo
12. Yolanda Hollaender - @yolanda_hollaender 

Psicóloga Parceira: Deborah Williamson Passos

No final das gravações, a cantora Perla, com seu novo e belo visual, fez um show exclusivo para os presentes. Ao ouvir 'Índia' me emocionei, porque ali estava uma pessoa renovada e feliz, fazendo o que ama: cantar!  

Este trabalho ficará eternizado em minha memória. Ajudar uma pessoa em sofrimento e ver sua transformação é o que há de mais gratificante na vida. Missão cumprida e alma lavada. 

Acompanhe o programa, na integra, através dos links:




Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

Um comentário:

O que você achou da postagem?
Dúvidas em organização?
Deixe aqui seu comentário!

Visualizações

Agradecimentos

Ari Hollaender - consultoria em Marketing

Marcadores

Voltar ao topo